Nesta quarta-feira (24/01/2018), pescadores foram flagrados em uma lancha no interior do Parque Estadual Marinho Laje de Santos pela fiscalização do Instituto Florestal, que em seguida, alertou um grupamento da Polícia Ambiental do Estado de São Paulo solicitando apoio.

Ao perceber a aproximação da polícia, os infratores tentaram fugir em alta velocidade.

O acompanhamento aconteceu por cerca de 15 milhas, com demonstrações de ousadia e imprudência, onde o condutor efetuou manobras em alta velocidade com o intuito de fazer a patrulha ambiental desistir da abordagem, ignorando todas as ordens de parada e colocando em risco as vidas das pessoas a abordo.

Quando percebeu que não conseguiria se desvencilhar da fiscalização, o condutor finalmente parou o barco. O vídeo abaixo registra o momento da abordagem.

Durante o acompanhamento, os infratores jogaram os pescados no mar, em mais uma tentativa frustrada de burlar a fiscalização.

Eles foram autuados em R$ 7.200 por pescarem em local proibido e por entrarem em unidade de conservação sem autorização. Criminalmente, o condutor responderá ainda por desobediência. Infelizmente todos responderão em liberdade.

Imagens: Polícia Ambiental do Estado de São Paulo